TJDF-PB da ganha de causa ao CSP em ação movida pelo Internacional

Por unanimidade o pleno do Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol da Paraíba (TJDF-PB) rejeito o pedido de garantia impetrado pelo Internacional de Lucena, que queria a exclusão do CSP do Campeonato Paraibano 2018, alegando que o Tigre praticou infração disciplinar, estando incurso nas sanções do artigo 170, inclusos IV, IX e XI do CBJD.

O Internacional, também, acusa a Federação Paraibana de Futebol (FPF) alegar que sofreu e vinha sofrendo em função da ilegalidade e abuso de poder por parte da presidência da FPF, que não aceita requerendo rebaixamento do CSP.

Os quatros auditores acompanharam o voto do relator do processo, Francisco Serpa Di Loureço. Com o placar já definido em 4 a 0, não precisou do voto do presidente do TJD, Lionaldo Santos.

Logo a pois o decisão o relator do processo, Francisco Serpa, deixou a seguinte mensagem.

-  Acabamos de apresentar o nosso voto no TJDF-PB, no sentido de não acolher a pretensão do Internacional em desfavor do CSP. Os demais auditores membros acompanharam o nosso raciocínio, por unanimidade  -  publicou ele nas mídias sociais.

Apos definido a ação, o presidente do Internacional falou que iria recorrer em instâncias superiores.

Martir   Esportes