Sem Marcos Aurélio, Botafogo embarca rumo ao interior de São Paulo

A delegação do Botafogo-PB embarcou na tarde desta terça-feira, no Aeroporto Castro Pinto, rumo a São Paulo, onde vai realizar a maior parte da preparação de olho na partida de volta do mata-mata do acesso da Série C do Campeonato Brasileiro diante do xará paulista. O Belo vai se hospedar num resort na cidade de Águas de Lindóia - cerca de 300 km distante de Ribeirão Preto, onde joga domingo - e lá mesmo vai fazer os trabalhos físicos e técnicos, já que o local oferece uma boa estrutura de campos de treinamentos.

O principal desfalque é o camisa 10 do Belo, o meia Marcos Aurélio, que está vetado pelo Departamento Médico do clube, não viajou e dificilmente enfrenta o Botafogo-SP, no Estádio Santa Cruz. De acordo com o médico do Botafogo-PB, Fábio Farias, o jogador sentiu uma lesão no tornozelo e dificilmente se recupera a tempo do duelo decisivo deste fim de semana.

Por outro lado, quem reforça a equipe de Evaristo Piza e viajou com o elenco foi o centroavante Nando, artilheiro do time na temporada com 15 gols e que esteve fora da partida de ida, no último domingo, quando o clube paraibano bateu o Pantera por 1 a 0.

Alguns torcedores estiveram presente no aeroporto e foram dar apoio à delegação. Cerca de 200 botafoguenses estão se organizando para ir até Ribeirão Preto no fim de semana para acompanhar a partida de volta das semifinais.

Na partida de ida, Juninho, de cabeça, abriu a vantagem no duelo de 180 minutos. Atuando no Almeidão, o Belo bateu o xará paulista por 1 a 0. O confronto de volta acontece neste domingo, às 19h, no Estádio Santa Cruz, casa do Botafogo-SP. Para subir para a Série B, o time paraibano precisa apenas de um empate. Caso o Pantera vença por um gol de diferença, a vaga será decidida nos pênaltis. Caso o Tricolor de São Paulo ganhe por um saldo superior a um gol, é ele quem vai para a segunda divisão

GE