Presente à entrevista coletiva concedida pelo presidente do Campinense, Félix Braz, o supervisor de futebol raposeiro, Dorgival Pereira, “acalmou” a torcida com relação à montagem do elenco para a disputa da próxima temporada. Dorgival disse que mesmo com as recentes mudanças na diretoria do clube, por conta do afastamento de William Simões, a formação do time que vai disputar as competições do ano que vem não será afetada.

- O Campinense é uma instituição grande, que tem uma torcida gigante e que não pode ficar em clima de instabilidade. Nós vamos continuar trabalhando na montagem do elenco e o Campinense vai entrar forte na disputa de todas as competições que tiver no próximo ano - comentou o dirigente rubro-negro.

A Raposa ainda não acertou a contratação de nenhum atleta para o próximo ano e vive um clima de expectativa ainda por conta do técnico Francisco Diá, que recentemente deu declarações que não repercutiram nada bem pelos lados do Estádio Renatão, afirmando que não tem como confirmar se vai permanecer no clube, já que todo o acordo que ele fez foi costurado pelo ex-presidente William Simões.

No próximo ano, o Campinense tem participação garantida na disputa do Campeonato Paraibano, da Copa do Brasil e também, mais uma vez, da Série D do Campeonato Brasileiro

GE